Adoração em família: benefícios e como incluir na rotina

3 minutos para ler

Durante a caminhada cristã, percebemos que manter uma intimidade com Deus de forma individual é essencial para nosso crescimento espiritual. No entanto, promover e compartilhar momentos de adoração em família também têm muitos benefícios.

Mas como fazer isso, já que muitas vezes os integrantes da família têm diversos compromissos ao longo da semana? Neste artigo, você vai descobrir a importância de encontrar tempo para essa devoção em grupo.

Também vamos mostrar como é possível envolver todos nesse objetivo. Continue a leitura e confira nossas dicas!

Quais são os benefícios da adoração em família?

Na Bíblia, vemos diversos exemplos de famílias fortes e tementes a Deus, como a família de Noé e de Abraão no Antigo Testamento. No Novo Testamento, lemos sobre Marta, Maria e Lázaro, irmãos que acolhiam Jesus em sua casa. A história de Timóteo também chama a atenção, com sua mãe e avó ensinando a ele sobre Cristo.

A família, além de ser um presente de Deus, também pode ser nosso primeiro espaço para compartilhar o amor do Pai e agradecer a Ele pelo cuidado diário com todos.

A adoração em família funciona como uma extensão da igreja, afinal, Deus não está apenas em grandes templos, mas também em pequenas reuniões em que todos estão com o mesmo propósito de honrar a Ele.

Esses momentos de adoração glorificam a Deus, fortalecem os laços familiares e permitem que cada membro da família incentive o outro na caminhada cristã.

Como incluir essa prática na rotina da família?

Sabemos que encontrar tempo na rotina é cada vez mais desafiador. Temos cada vez mais compromissos e distrações em nosso dia a dia. No entanto, Deus pede que amemos a Ele sobre todas as coisas, o que implica em colocá-lo em um lugar preferencial em nossa vida.

Criar uma consciência da necessidade desses momentos de devoção é o primeiro passo para a adoração em família. Isso porque essa atitude precisa ser voluntária e prazerosa para todos, não deve ser uma obrigação ou algo imposto dos pais para os filhos.

Quando pensamos em adoração em família, logo nos vêm à mente o culto doméstico. Essa é uma prática que todos podem adotar, pois é extremamente saudável, principalmente para as crianças. Para casais sem filhos, a leitura bíblica em dupla também é uma excelente alternativa para manter comunhão com Deus e com o outro.

No entanto, as famílias ainda podem escolher outras formas de colocar essa ideia em prática. Com filhos adolescentes e jovens, a leitura de livros cristãos ou de estudos bíblicos também pode ser interessante, abrindo espaço para que todos compartilhem suas dúvidas e pensamentos. Com os pequenos, criar peças de teatro com histórias da Bíblia é uma opção divertida e dinâmica.

A adoração em família é uma prática que agrada a Deus e é valiosa para o fortalecimento espiritual de todos. Promova momentos que sejam espontâneos e verdadeiros e aproveite recursos como livros, músicas e vídeos para agregar ao aprendizado da Palavra.

Queremos compartilhar outros conteúdos como este com você. Siga a DoxaBox no Facebook e Instagram e descubra nossas dicas para sua vida cristã.

Você também pode gostar

Um comentário em “Adoração em família: benefícios e como incluir na rotina

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.