Conhecendo Jesus: 8 aspectos que você precisa saber

6 minutos para ler

Buscar conhecimento é importante para a vida cristã, pois o que aprendemos nos inspira a sermos verdadeiros fiéis e adoradores. Conhecendo Jesus e suas características, podemos entender mais sobre quem Ele foi e segui-lo de maneira mais dedicada e completa.

A Bíblia está cheia de informações importantes sobre quem foi Jesus, o que Ele veio fazer aqui na Terra e como devemos nos comportar perante Ele. O estudo desse conteúdo é essencial para enriquecer a nossa vida cristã, aumentar a nossa fé e permitir que vivamos a nossa espiritualidade de modo completo.

Neste artigo, mostraremos alguns aspectos importantes que devemos saber sobre Jesus para manter a nossa vida cristã em dia. Acompanhe a leitura!

1. Deus Filho

Uma das primeiras coisas que precisam conhecer sobre Jesus é quem Ele é. A Bíblia nos demonstra que Ele faz parte da trindade Deus o Pai, Deus o Filho, Deus o Espírito Santo.

Desse modo, podemos defini-lo como Deus o Filho. Ele é totalmente Deus, ou seja, completamente divino e, ao mesmo tempo totalmente humano. Portanto, é digno de toda adoração e louvor e deve ser tratado com todo o respeito e devoção.

2. Salvador do mundo

Ele também é o nosso Salvador. Desceu do céu para vir à terra morrer pelos nossos pecados, ainda que não acreditemos nEle. Não há salvação sem o derramamento de sangue, e o que foi derramado foi o sangue de Cristo na cruz.

Em João 3:16 vemos que Deus enviou o seu Filho amado para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna. A salvação é impossível sem Jesus Cristo e não pode ser obtida por nenhum outro meio que não seja reconhecendo-O como Senhor e crendo que Ele ressuscitou entre os mortos.

3. Amor

Outro atributo importante é o seu amor, que é estendido para todos os seres humanos. Cristo ainda ama uma pessoa que não segue seus mandamentos, dando liberdade para que ela escolha como agir.

Esse amor é muito diferente do que somos acostumados como humanos, já que ele não é invejoso, muito menos ciumento. É um sentimento puro, que um pai tem por seu filho e que Ele teve para morrer em nosso lugar.

4. Mediador

O texto da primeira epístola de Timóteo, capítulo 2, verso 5, diz que: “há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem”.

O mediador é a pessoa responsável por fazer a mediação, ou seja, aquele que age como intermediário para trabalhar com lados opostos a fim de trazer uma solução para determinado caso. Ele tenta influenciar um acordo entre as duas partes, com o objetivo de resolver uma disputa.

Nada do que fazemos por nossa conta é suficiente para fazer a mediação entre nós e Deus. Nenhuma quantidade de boas obras ou observância da lei nos torna justos o bastante para estarmos diante dEle. Ele foi designado para mediar a nosso favor e só Ele é apropriado para este trabalho, agindo de modo que nos ajude a aproximar do Pai.

5. Senhor

Além das formas já citadas acima, outro título que é usado para Cristo é Senhor. Há muitas passagens na Bíblia que o apresentam como autoridade, como Filipenses 2:9-11:

Pelo que também Deus o exaltou soberanamente e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus e na terra e aquelas debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai.

Desse modo, todos nós estamos abaixo dEle. Com exceção de Deus, tudo e todo mundo está ou estará sob sujeição de Jesus para que toda a língua confesse que Ele é o Senhor, para a glória de Deus Pai.

6. Pão da vida

Cristo também é conhecido como o pão da vida, como está escrito em João 6:35. Ele prometeu que aquele que o procurar nunca terá fome e nunca mais terá sede. A alimentação é vital para o ser humano, sem ela não podemos ter saúde e, em pouco tempo, perderemos a vida.

Mas o pão da vida aqui não está ligado à comida, mas fatores espirituais.  A nossa caminhada espiritual necessita de alimentação sólida, que nos dará a base para superarmos os desafios desse mundo. Cristo nos dará o alimento capaz de nos fortalecer espiritualmente e, principalmente, nos garantir a vida eterna.

7. Luz do mundo

Você já tentou andar em meio à escuridão? Essa não é uma tarefa muito fácil. Cristo também é a luz do mundo. Como diz em João 8:12: “então Jesus lhes falou, dizendo: Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida “.

Quando estamos nas trevas, não sabemos qual é o caminho correto. É por isso que precisamos de luz, para saber o caminho. Embora a claridade seja suficiente para a nossa caminhada terrena, ela não é capaz de suprir nossas necessidades espirituais. Para isso, precisamos de um tipo de luz diferente, que é Jesus Cristo.

8. Único caminho

Jesus Cristo é o caminho, a verdade e a vida, assim como está escrito em João 14:6. Como Ele disse, ninguém pode chegar sozinho até o Pai, sendo que somente por meio dEle temos esse acesso.

Algumas pessoas acreditam que existem inúmeras formas de chegar à Deus. Em Atos 4:12, os apóstolos Pedro e João disseram aos líderes dos judeus que “não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos”. Segundo a Bíblia, Cristo é o único caminho ao céu, sendo que por meio dEle nos comunicamos com o Eterno.

Neste artigo, percebemos a importância do estudo da palavra, para sermos cristãos mais preparados. Conhecendo a Jesus verdadeiramente podemos adorá-lo e segui-lo da maneira correta. A melhor forma de conhecer mais sobre Ele é por meio do estudo da Bíblia, em especial o novo testamento, que conta a sua história e como Ele morreu na cruz por nós.

Gostou de conhecer mais sobre esse assunto? Então, aproveite para comentar em nosso artigo e contar alguma experiência ou tirar dúvidas a respeito desse tema!

Posts relacionados