loader image

Por que precisamos tanto da graça de Deus?

GRAÇA DE DEUS
5 minutos para ler

A graça de Deus está ao alcance de todos, mas para isso é preciso ter fé e estabelecer uma conexão direta em toda sua essência e plenitude. Mesmo nos momentos mais desafiadores, é a Ele que devemos recorrer para ter forças e seguir em frente.

A onipresença de Deus é o pilar que toda a humanidade precisa para, com otimismo, enfrentar as adversidades. Seu amor por cada um dos seus filhos é latente e urgente, cabendo a nós ouvirmos o seu chamado enquanto servos dos seus ensinamentos.

Mas, o que é a graça de Deus? Neste artigo, trazemos uma reflexão sobre o conceito e como ele se relaciona com o aprendizado e a vida das pessoas que seguem os planos divinos. Continue lendo e veja toda a Sua bondade para conosco!

A graça de Deus: uma lição de amor

Em nosso manual Doxologia de cada Dia abordamos a jornada “Graça”. Lá descrevemos, segundo os autores do Novo Testamento, o conceito da graça (charis) de Deus em Cristo — a essência de todos os atos que Ele realiza e constitui a base do relacionamento de Deus com Sua criação.

Ou seja, tudo o que Deus fez para o nosso bem, o fez essencialmente por Sua graça; e a forma como Ele se relaciona conosco é baseada em Sua graça. Portanto, não há nada mais importante para você fazer nestes próximos dias do que compreender com clareza e com profundidade esse tema tão importante.

A certeza de que Deus se importa conosco está presente em tantas provas de amor que Ele nos dá diariamente ao permitir livramentos e conquistas. Ele zela e cuida de cada um dos seus filhos na medida certa.

“Oramos constantemente por vocês, para que o nosso Deus os faça dignos da vocação e, com poder, cumpra todo bom propósito e toda obra que procede da fé. Assim o nome de nosso Senhor Jesus será glorificado em vocês, e vocês Nele, segundo a graça de nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo.”

2 Tessalonicenses 1:11-12

As lições que Ele nos permite vivenciar são necessárias para o fortalecer a fé em no evangelho. É fundamental entender a força e dimensão desse amor quando se trata de toda a afeição que vem do alto e nos estimula a seguir nossa missão.

Mesmo quando recebemos as mais duras lições, não devemos encará-las como um castigo, mas em forma de correção da conduta.O amor cobre uma multidão de pecados, pois só a Ele cabe o direito de amar seus filhos e corrigi-los quando se desviam do caminho traçado.

Educação e disciplina: estágios para alcançar a graça plena

Esses são dois aspectos que caminham juntos, considerando que vivemos em um mundo que caiu, e que a natureza humana é inclinada para o pecado. Eles têm efeito corretivo e fazem parte desse amor que Deus nos destina. Assim está descrito na bíblia:

“Filho meu, não rejeites a correção do Senhor, nem te enojes da sua repreensão. Porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem.” 

Provérbios 3:11-12

Sim, como faz um pai ao filho a quem quer bem, Deus disciplina os Seus filhos. E Ele faz isso porque os ama profundamente. Precisamos entender que nossos momentos de dor e sofrimento são na verdade uma oportunidade para corrigirmos os desvios de rota da nossa vida. Quantas vezes ouvimos pessoas dizendo que aprenderam a dar valor ao que é mais importante, depois de atravessar uma grande provação? Não há outro caminho. É no fogo que somos provados para cumprir nosso propósito de vida.

Somente nos tornaremos pessoas dignas da nossa vocação celestial e mais próximas de Deus se aprendermos com as experiências difíceis da vida.

“Esta é a confiança que temos ao nos aproximarmos de Deus: se pedirmos alguma coisa de acordo com a vontade de Deus, ele nos ouvirá.”

1 João 5:14

Um dos primeiros passos é aceitar nossas imperfeições e identificar os pontos que podem ser melhorados, obedecendo e praticando os princípios bíblicos que reorientam nosso comportamento para a prática do amor.

Sabemos que nem sempre é fácil alcançar esse estágio de entendimento, por isso, existem diversas fontes confiáveis que podem ajudar na aquisição do conhecimento para elevar o nível espiritual — conteúdos de referência para serem consumidos nos mais diversos formatos.

Entre renomados autores podemos referenciar John Stott, responsável por títulos como Porque sou Cristão, Firmados na Fé, Ouça o Espírito, ouça o mundo, A igreja autêntica, A mensagem de Efésios, O discípulo radical. No trecho de uma de suas obras ele cita:

“Supõem alguns que a fé e a razão são incompatíveis. Não é assim. As duas nunca estão em oposição nas Escrituras, como se tivéssemos que escolher uma dentre as duas. A fé vai além da razão, mas baseia-se nela. O conhecimento é a escada através da qual a fé sobe mais alto, é o trampolim de onde pula mais longe.”

Quanto mais investirmos no conhecimento, mais próximos estaremos de alcançar a graça de Deus e aptos a difundir a importância do Seu amor por nós. Precisamos disseminar bons sentimentos e propagar o bem para desenvolvermos um ambiente de graça e amor no mundo em que vivemos.

Se você gostou deste post, aproveite a visita em nosso blog e veja mais um artigo que fará bem ao seu coração! Confira 4 dicas de como se aproximar de Deus em meio a uma vida atribulada!

Você também pode gostar

2 comentários em “Por que precisamos tanto da graça de Deus?

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.