loader image

Você sabe o que é a adoração? Entenda o significado!

Adoração
4 minutos para ler

Muitas vezes, quando a vida está indo bem, nos esquecemos de valorizar as pequenas coisas e não agradecemos pelas maravilhas que existem à nossa volta. A adoração envolve tanto o estudo bíblico, quanto as atitudes diárias que assumimos para refletirmos nossa fé. Por exemplo: os louvores são importantes? Com certeza, mas definitivamente não são a única maneira que temos para demonstrar nosso amor a Deus.

Por isso, o conceito é mais profundo do que muitos imaginam, especialmente porque nos ajuda a levar a vida cristã em plenitude. Pensando no tema, vamos explorar melhor este conceito e suas aplicações no dia a dia. Continue a leitura!

O que é a adoração?

Adoração é uma participação no incessante louvor celestial a Deus, ela uni todos os santos, é a reposta de todos seres sensíveis à Deus. Portanto se manifesta como ação, tanto como individual ou coletivo.

Biblicamente, o sentido de adoração é representado por várias palavras gregas e hebraicas presentes no Novo e Antigo Testamentos. Mas, o vocábulo referente à adoração na bíblia é muito mais amplo do que imaginamos. De forma resumida, o conceito essencial do que é a adoração se expressa pelas ideais de “reverência” e “serviço”. A adoração envolve profundo amor e respeito.

Adorar significa expressar honra a Deus por meio da devoção e reverência genuína. É a expressão mais sincera e profunda do relacionamento cristão.

Como posso praticar a adoração diariamente?

Deus criou o próprio mundo para sustentar a nossa vida. Ele deu tudo que precisamos e, apesar de nossos pecados, Ele nos convidou para nos juntarmos à Sua família, sendo recebidos como seus filhos e filhas. É preciso celebrar isso diariamente!

“A adoração é uma avenida que conduz a criatura para fora de sua preocupação com o ‘eu’ […]. O convite de Deus apara a adoração e a resposta do homem para tanto, por mais limitada, rude ou enganosa que seja, constituem o meio determinado pelo qual nos movemos para nosso destino. ” Evelyn Underhill (Worship)

Nascemos para isso: Glorificar a Deus e gozá-Lo para sempre, esse é o fim último da sua vida. Entre nessa “avenida”, permita que essa estrada te leve cada vez mais longe da vida em torno de si mesmo(a). Caminhe nela e permita que o “amor acima de todas as coisas” seja corretamente direcionado para o único Ser que reina “acima de todas as coisas.

“Mas vocês são a raça escolhida, os sacerdotes do Rei, a nação completamente dedicada a Deus, o povo que pertence a ele, vocês foram escolhidos para anunciar os atos poderosos de Deus, que os chamou da escuridão para a sua maravilhosa luz” (1 PEDRO 2:9).

Cante louvores

Seu cântico está associado à sua identidade, ele revela quem você é e a quem você pertence. Então cante! Cante louvores.

“Louvai ao SENHOR. Louvai ao SENHOR desde os céus, louvai-o nas alturas. Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o, todos os seus exércitos.  Louvem o nome do Senhor, pois só o seu nome é exaltado; a sua glória está sobre a terra e o céu”( Salmos 148: 1, 2 e 13 ).

Como comentamos, os hinos de agradecimento são ótimos instrumentos para adorarmos a Deus. Você pode procurar por “adoração”, “louvor” e “música cristã” em qualquer plataforma digital que encontrará muita coisa incrível. Seja qual for o seu gosto musical, temos certeza de que vários artistas talentosos já criaram louvores de adoração.

Lembre-se do valor da oração

Durante a oração podemos falar abertamente com Deus, tanto sobre nossos desafios diários, quanto dos nossos agradecimentos. A prática da oração nos ajuda a refletir sobre nossas ações e a pensar com sujeitos responsáveis pela mudança da nossa vida.

Richard Foster, (Oração: o refúgio da alma) : “No início, somos de fato o sujeito e o centro de nossas orações, mas no tempo e no caminho de Deus, uma revolução copérnica terá lugar em nosso coração. Aos poucos, quase imperceptivelmente, uma alteração ocorre em nosso centro de gravidade. Passamos da fase de pensar em Deus, como parte da nossa vida, à convicção de que somos parte da vida Dele. De modo admirável e misterioso, Deus se transfere da periferia para o centro de nossa experiência de oração.”

E então, gostou do conteúdo? Esperamos que sim e temos um convite: para adorar de uma forma muito mais pura, completa e poderosa, convidamos você a se juntar na Jornada de Devoção!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.