Como servir à Deus verdadeiramente? Entenda o que é preciso fazer!

6 minutos para ler

Quando avançamos em nosso entendimento de quem Deus é e do que Ele fez por nós, é automático que surja um desejo de servir à Deus verdadeiramente. Mas nem sempre sabemos como fazer isso de forma prática em nosso dia a dia, não é mesmo?

Em João 12:16 (ACF), Jesus diz aos seus discípulos: “quem me serve precisa seguir-me; e, onde estou, o meu servo também estará. Aquele que me serve, meu Pai o honrará”. Por isso, sabemos que servir ao Pai implica em seguir Jesus e seus mandamentos.

Ao longo deste texto, vamos compartilhar com você algumas maneiras de servir à Deus ao longo da nossa vida. Continue a leitura e entenda mais sobre esse tema tão importante.

Conheça mais sobre o Senhor

Muitas vezes, não sabemos exatamente como servir à Deus por falta de intimidade com Ele. Afinal, quando temos um contato próximo com o Pai, Ele nos mostra quais atitudes em nossa vida vão agradar e glorificar a Ele.

Por isso, o primeiro passo que você pode dar é se aproximar de Deus e conhecê-lo melhor. “Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês” (Tiago 4:8 NVI). Assim, você vai entender que Ele pode ter um propósito específico para você servi-lo.

Aproximar-se de Deus é possível por meio de uma vida devocional. Torne a oração e a leitura bíblica partes da sua rotina e Deus com certeza vai se revelar a você.

Obedeça aos seus mandamentos

Servir à Deus também implica em seguir o que Ele manda. Em João 14:21 (ARA), Jesus deixa claro: “aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele.”

Você sabe quais são os principais mandamentos que Cristo deixou? Em Mateus 22: 35-40, Ele deixa claro que é fundamental amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a si mesmo.

É interessante perceber que, a partir dessas duas ordenanças, podemos nortear todas as situações em nosso cotidiano. Todas as instruções que vemos na Bíblia estão ligadas a esses dois fatores.

Exerça o amor ao próximo

O amor ao próximo é tão importante que Jesus fez questão de enfatizá-lo em sua passagem pela Terra. Em Mateus 25 vemos que, quando fazemos o bem às pessoas que estão à nossa volta, é como se estivéssemos servindo à Deus. Esse é um ensinamento muito importante que devemos carregar, já que é uma forma direta e clara de agradar ao Pai no nosso dia a dia.

Você pode amar e servir ao próximo em qualquer lugar que estiver. No trabalho, na rua, na igreja ou em sua família. Pedro 4:10 (NVI) diz: “cada um exerça o dom que recebeu para servir os outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas”.

O amor de Deus pode ser manifesto em nós quando servimos uns aos outros em amor. Dessa forma, não apenas abençoamos outras pessoas, como glorificamos ao Pai em nossa vida.

Fale de Jesus para outras pessoas

Antes de partir, Jesus deixou uma ordem clara àqueles que o seguem: “vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas” (Marcos 16: 15 NVI). Deus quer que todas as pessoas sejam salvas (1 Timóteo 2 ACF) e, por isso, aqueles que servem a Ele precisam se empenhar na missão de falar de Seu amor aos outros.

Essa é, inclusive, uma forma de amar ao próximo. Afinal, o evangelho é uma boa nova, ou seja, um presente. Quando recebemos algo tão precioso, precisamos compartilhar com quem está à nossa volta, não é mesmo?

Servir à Deus, espalhando o amor dEle, é um grande privilégio para nós. Quando fazemos isso, estamos participando ativamente da missão dEle e reconhecendo a importância do Seu sacrifício.

Tenha alegria em servir à Deus

Mais uma das coisas que a Bíblia fala sobre o tema que estamos abordando é “servir ao Senhor com alegria” (Salmos 100: 2 ARC). Devemos entender que caminhar com Cristo não deve ser um peso para nós, mas um motivo de alegria e satisfação.

Temos diversos motivos para ser alegres no Senhor, independentemente das circunstâncias. Veja:

  • por nossa salvação por meio da graça;
  • pela possibilidade de nos conectarmos a Deus por meio de Jesus;
  • pela vida e pelo cuidado diário de Deus conosco;
  • pelas bençãos que ele nos dá neste mundo;
  • pela esperança de uma vida eterna com Cristo nos céus.

Quando servimos com alegria, entendemos que a presença de Deus é suficiente para estarmos satisfeitos. O motivo principal de nosso contentamento deve estar no que o Pai já nos deu: a salvação e a vida eterna. Isso supera qualquer fator terreno e deve ser o alvo da nossa esperança.

Glorifique a Deus com suas ações

Por fim, mais uma forma de servir à Deus verdadeiramente é glorificar a Ele por meio das suas ações cotidianas. “Quer comais, quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus” (1 Coríntios 10:31 ACF).

Ser uma pessoa cristã vai muito além de ir à igreja ou conhecer toda a Bíblia. O principal é que aqueles que estão ao nosso redor consigam ver Deus por meio das nossas vidas e das nossas atitudes.

Quando somos um testemunho vivo de quem Deus é e do que Ele pode fazer, estamos servindo à Ele automaticamente. Tornamo-nos embaixadores da Palavra de Vida. Por isso, é fundamental entender os ensinamentos do Senhor e pedir ajuda à Ele para viver uma vida de devoção e verdadeira adoração.

Esperamos que este texto tenha esclarecido suas dúvidas sobre as formas de servir à Deus. Quanto maior for sua proximidade com o Pai, mais claro vai ser seu entendimento sobre o que Ele quer que você faça para servi-lo diariamente. Então, busque intimidade com Ele em sua rotina.

Se você achou este conteúdo interessante, que tal compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais? Com certeza muitas pessoas precisam entender melhor como servir à Deus verdadeiramente.

Você também pode gostar

9 comentários em “Como servir à Deus verdadeiramente? Entenda o que é preciso fazer!

  1. Qiero servir a Deus em Espirito, quero fazer as coisas , viver em agradar o meu Deus! Esse texto ajudou na minha duvida de como fazer, obrigada!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.